Por que as pessoas desistem?

 
Quantas vezes você desistiu de uma Plano ou de uma Ideia, simplesmente por se achar incapaz ou por ouvir aquela voz interior “isso não vai dar certo”!
 
Imagino que muitas vezes, mas você sabe por quê? 
 
Na verdade, por muitos motivos que variam entre medo, acomodação, crenças erradas ou por não saber como fazer.
 
Um ponto em comum das pessoas que desistem, que é o fato de criarem um ciclo de desculpas e não soluções. Não ousam, não se arriscam e criam justificativas para não executar.
 
As pessoas criam uma rotina de conformismo que as impedem de qualquer coisa, se conformam em sofrer, em brigar todos os dias, em receber pouco, sem notarem que tudo aquilo com o que se conformam, acaba virando a realidade de todos os dias e depois se remoem e os erros cristalizam.
 
E isso faz com que desistam de lutar pelo que querem, sonham, precisam e merecem, pelo contrário disso, sempre olham para o lado, para o que os outros possuem e conquistam, não valorizam o que tem e procrastinam ainda mais.
 
Paralisam, portanto, quando surgem novas oportunidades em razão dos velhos erros e é por isso que desistem.
 
Mas existe uma forma de reverter essa situação.
  1. O Primeiro passo é abrir a mente para reflexões e para o novo, percebendo e entendendo os bloqueios internos. Se tornar uma pessoa de múltiplos conhecimentos faz com que melhore e trabalhe de forma diferente do padrão, encontre soluções para problemas e estimule todos a sua volta, com segurança e informações.
  2. O segundo passo é a busca por autoconhecimento, nessa etapa é importante oportunizar e experimentar aprender mudanças por meio de avaliações pessoais do momento atual e os propósitos que tem de vida, compreendendo os pontos fortes e os que precisam ser melhorados.
  3. O Terceiro é traçar metas e objetivos alcançáveis e depois disso ser firme em tomar decisões, consciente que será preciso abrir mão de certos costumes e rotinas e falar não para tudo o que rouba o foco do objetivo estipulado.
  4. O Quarto, é aumentar a rede de contatos, o fato de se relacionar, aumenta o desenvolvimento, além disso melhora a ter novas ideias e discutir sobre assuntos diversos, aumentando o conhecimento.
  5. O Quinto é aprender lidar com o fracasso, aprender com os erros e não desistir, pensar em um plano B para problemas e conflitos, tendo o bom senso, é claro, ponderando aquilo que vale ou não a pena dos esforços. E isso sem remorsos.
  6. O sexto é participar de palestras, cursos e treinamentos, hoje não tem desculpas para aprender, tudo é possível, desde oportunidades gratuitas, cursos com preços acessíveis até desembolsos maiores.
Existem ferramentas e metodologias ágeis que te transformarão em uma profissional diferenciado, desenvolvendo habilidades, reflexivo e reativo para soluções práticas de problemas complexos!! 
Quer saber mais? 
Cadastre-se sem compromisso neste link:  https://lp.contabilpicolli.com.br/cursocriatividadeinovacao
Você também pode ouvir o recadinho da Professora Beatrice clicando no link abaixo:
https://www.facebook.com/picolliescolacorporativa/videos/1056748514801226

Voltar

Compartilhar

Todos os direitos reservados ao(s) autor(es) do artigo.