4 Erros mais comuns na jornada de trabalho

A legislação trabalhista é um tanto quanto vasta e complexa, o que acarreta muitas vezes alguns erros, que podem gerar transtornos futuros para o empregador, como processos judicais. O Brasil assume a posição de um dos campeões em de processos trabalhistas no mundo.
Ter sempre uma equipe bem preparada para auxiliar é imprescindível, listamos abaixo 4 erros mais comuns que podem acontecer:
  1. Cálculo incorreto de horas extras - sem dúvida o campeão nas ações judiciais, este é um assunto delicado e que merece muita atenção na hora de calcular as mesmas. Nessa hora a atenção precisa ser redobrada em alguns pontos como no limite de horas extras por dia, valor da hora extra de 50% ou 100% de acordo com o caso e banco de horas.
  2. Trabalhador sem registro - aquele fomoso "boca a boca" não garante nada para nenhuma das partes, por isso nessa hora, ainda que custe um pouco mais o registro na CLT é uma segurança para qualquer evento futuro.
  3. Registo incorreto - além de ser necessário o registro na CLT, mais ainda é fazê-lo de forma correta. Infelizmente este é também um erro comum de acontecer, registrar com um cargo menor para pagar menos impostos acaba sendo um preço alto para se pagar futuramente.
  4. Erros na rescisão contratual - O momento do desligamento de um funcionário é tão importante quanto a hora da sua contratação. É necessário se atentar a uma série de e direitos que devem ser dados ao contratado, uma vez que a multa por um pagamento incorreto pode chegar a 50% do valor total da rescisão, é sempre bom ter cuidado dobrado nessa hora.
POderíamos listar muitos outros erros que acontecem com frequencia, por isso ter bons profissionais que te dêem suporte devido e te instruam da melhor e mais correta maneira.

Voltar

Compartilhar

Todos os direitos reservados ao(s) autor(es) do artigo.